Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

caixa dos segredos

Bocados de mim embrulhados em palavras encharcadas de emoções. Um demónio à solta, num turbilhão de sensações. Uma menina traída pelas boas intenções.

05
Dez19

Sugestão de Natal


vanita

Este ano entreguem 50 euros a cada filho e digam-lhes que o Natal está por conta deles, que são eles que vão tratar das prendas. Passado o primeiro impacto, expliquem que são eles os responsáveis pelas prendas de Natal de toda a família, com esses mesmos 50 euros. Peçam-lhes para fazerem um plano de compras e decidirem o que querem oferecer a quem com esse dinheiro. Vejam-nos esgrimir argumentos e sofrer na tentativa de encaixar as soluções no orçamento definido. Quando finalmente tiverem optado por dar rebuçados a toda a gente, ou prendas feitas à mão, cujos materiais para as fazerem também terão de pagar, apresentem o golpe de misericórdia: também são eles os responsáveis pela ceia de Natal. Com os mesmo 50 euros. Serão obrigados a decidir que a consoada vai ser “batido de atum para toda a gente” ou algo muito parecido. Analisem os resultados finais, riam-se do Natal que vão passar todos juntos e divirtam-se com as soluções encontradas. Certifiquem-se que, pelo menos, sobra para uns sonhos natalícios. No fim da brincadeira expliquem que, desta vez, ainda são os pais que tratam do Natal e revelem o verdadeiro orçamento familiar para este ano. No fim digam-lhes que podem ficar com os 50 euros para se lembrarem sempre desta lição. E deixem-nos decidir o que fazer com o dinheiro. Eles merecem.

03
Dez19

Sei o meu valor


vanita

Quando leio algumas das ideias que aqui fui escrevendo ao longo dos anos sinto saudades da pessoa que fui. Não de todas, fui várias em todos estes anos, mas desta final, mais interventiva, sem papas na língua, muito consciente do mundo que a rodeia e com ideias que revelam boa conduta moral. Não digo isto em forma de autoelogio. Até porque, a ser um elogio, seria em relação a essa pessoa do passado onde já não me reconheço totalmente. E é mesmo esse sentimento que me retira do marasmo de não escrever posts. Ninguém nos avisa disto. Ninguém nos diz que, depois de tudo, também nos cansamos e baixamos os braços, ninguém nos conta que há uma altura em que as coisas deixam de ter importância, ou, melhor explicado, deixamos de nos esforçar e optamos por um lugar à retaguarda. Não sei se é dos 40 (e picos), mas a verdade é que já não tenho paciência para guerras, lutas e combates. Sei, finalmente, o meu valor e estou pouco interessada para o que os outros pensam. Mesmo que doa, não me toca. Cada um é responsável pelas suas próprias atitudes e eu apenas me preocupo com as minhas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D