Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


15.09.16

Estamos sempre tão fora

por vanita

Tal como agora se começa, finalmente, a questionar a ditadura dos saltos altos como ícones de beleza feminina - sim, é uma realidade, daqui a cinco anos chega à parvónia - também devíamos usar os neurónios para perceber o quão parvo é criar-se um evento com tanto exagero de participação como de divulgação que se resume a puro consumismo e materialismo. Eu gosto que as pessoas se divirtam, a sério que sim, mas é tão mais estimulante quando o conseguem fazer ao mesmo tempo que usam o cérebro. Fui.

publicado às 20:51

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.