Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


07.06.14

Paixão em Florença, de Somerset Maugham

por vanita


Terminei ontem aquele que penso ser o último livro de Somerset Maugham que vou ler e foi uma desilusão. Se não estivesse assinado por aquele que se tornou num dos meus autores favoritos de há dois anos para cá, não conseguia acreditar que este romance fosse dele. Sim, é verdade, encontramos Somerset Maugham nas pequenas descrições da vila e do palácio onde decorre a cena. Mas é um vislumbre tão ténue que quase passa despercebido. "Paixão em Florença" é um livro de bolso e conta uma história de bolso, ao estilo da colecção Harlequim. Chega a ser muito constrangedor a nível de argumento, carácter das personagens e dos estereótipos ali representados. Não é uma história que se odeie.
Na verdade, usei este livro para ler nos transportes públicos e fez-me boa companhia. Esperava era mais, muito mais, de Somerset Maugham. Claramente, este livro foi escrito para pagar as contas. A desilusão foi tão grande que fiquei a pensar no carisma que cada autor ganha junto dos seus leitores. Se tivesse conhecido Somerset Maugham em "Paixão em Florença" a minha opinião sobre os outros romances, dos quais destaco o "Servidão Humana", estaria inquinada para sempre. Talvez o lugar de favorito nunca lhe chegasse a pertencer. E é estranho como um livro tão pequeno pode mudar a opinião que temos do nosso escritor favorito.
publicado às 11:36

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.