Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


29.03.14

A engrenagem já roda

por vanita
Estamos a viver um ponto de viragem e isso tem tanto de fascinante como de aterrorizador. Tal como em 1986, quando entre as cadeiras da escola e os lanches de pão com manteiga ouvia dizer que Portugal tinha aderido à CEE e isso era uma mudança determinante, hoje também estamos a dar passos que vão definir as próximas décadas. Entre as viagens de comboio e as irritações do dia-a-dia, páro para pensar e assusto-me. Porque sei que estamos a dificultar a vida dos mais novos, porque a nossa também não está melhor mas, sobretudo, porque me sinto de mãos atadas. O que podemos fazer para empurrar o país para a frente? Ou deveremos aceitar o que a história dos dita e, estoicamente, acreditar que tem de ser assim? Será que tem? Temos mesmo que sacrificar os direitos pessoais em detrimento de um futuro económico sustentável para Portugal?
publicado às 15:58

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.