Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


30.12.13

A angústia de fim de ano

por vanita

Sempre acreditei que as pessoas se distinguem em dois padrões: as que odeiam o Natal e as que odeiam a passagem-de-ano. Eu faço parte do segundo grupo. Angustia-me esta coisa de ser obrigada a divertir-me, chateia-me que ficar em casa no quentinho não se enquadre nos padrões de animação aceites pela sociedade e sofro de antecipação pela pressão de ter um ano novinho em folha para estrear. Um ano em que não saberei se tudo irá correr bem, se irei chegar ao fim com más recordações, se será o ano horribilis da minha vida. Sim, sou um pouco pessimista, embora prefira pensar que sou realista. Todos sabemos que, em algum momento, as coisas vão correr menos bem. A passagem-de-ano lembra-me isso com mais convicção. Sinto-me feliz por ter os que gosto bem e junto de mim, mas esta coisa de se celebrar a entrada num novo ano não é para mim. Gosto mais de viver o dia-a-dia e aproveitar cada momento da melhor forma. Prefiro assim.

publicado às 14:11

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.