Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


30.09.12

Tabela de preços

por vanita
Olho para alguns posts na blogoesfera e pergunto-me quanto é que terão custado. Quanto é que determinada marca/instituição ou pessoa individual pagou por aquelas palavras/acção? Só para ter uma ideia de como anda este mercado.
publicado às 03:23

27.09.12

Tenho nojo deste país!

por vanita
Cortes nos tratamentos do cancro e da sida? O Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida defende que o Ministério da Saúde deve limitar o acesso a medicamentos mais caros para o tratamento do cancro e da sida. Manuel Oliveira da Silva, vulgo Hitler que acredita na limpeza étnico-sanitária da população, que preside ao órgão consultivo, afirma que isto"não só é legítimo como, mais do que isso, desejável". Não se fica por aqui, esta cabeça pensante que me enoja. "Vivemos numa sociedade em que, independentemente das restrições orçamentais, não é possível, em termos de cuidados de saúde, todos terem acesso a tudo", acrescenta, crente de que tal - essas doenças de gente pobre, menos informada e classe baixa - nunca lhe irá acontecer. É neste exacto momento que desce em mim o taxista da minha amiga, para fazer aquilo que durante anos de catequese e instrução religiosa me ensinaram que não se faz: para lhe desejar todos os cancros do mundo e mais alguns. A ele apenas, que a minha maldade não chega para os que lhe são próximos mas não têm culpa de o ser. Fala ele em desperdício e ineficiência. Por mim, começava a limpar em cérebros como o dele.
publicado às 12:05

26.09.12

Dr. Mundinho

por vanita
Reza a história que, quando os meus pais me foram registar, a sua primeira filha, a que decidiram dar esse nome de vanguarda que ouviram nas novelas e que nunca mais foi seguido por nenhuma geração, sabe-se lá porquê, mas, como estava a contar, reza a história que nesse dia a senhora que estava à frente dos meus pais teve uma grande discussão com o funcionário do departamento. Diz que pretendia chamar o filho de Dr. Mundinho. Tal como os meus pais, um nome inspirado nessa grande moda que chegou à televisão no final doa anos 70. A diferença - seria benção? -é que este não foi autorizado. De acordo com os argumentos do funcionário, a única forma autorizada de chegar perto das pretensões daquela mãe seria dar ao filho o nome de Mundo. Porque doutor seria quando um dia se formasse na universidade e Mundinho é diminutivo de Mundo, terá acrescentado, em jeito professoral. Nunca soube se aquele bebé que agora é da minha idade se chama Mundo, mas sei, desde tenta idade, que o Dr. Mundinho era interpretado por José Wilker. E, mais trinta anos depois, acabei de o ver na televisão. Mudam-se os tempos. E só os tempos.
publicado às 22:33

26.09.12

Sou apenas uma rapariguinha, diria Daenerys

por vanita
Não percebo muito destas coisas mas, a avaliar pelo que tenho visto, algo me leva a acreditar que este ano o domínio das audiências pelo "Secret Story" da TVI está ameaçado com a velhinha estratégia, agora recuperada, de apostar em novelas brasileiras por parte da SIC. Sobretudo tendo em conta que as duas que agora estão no ar - "Gabriela, Cravo e Canela" e "Avenida Brasil" - se enquadram no título "novelão". Sou apenas uma rapariguinha, diria Daenerys, mas quem pensa que ainda estamos a viver os tempos que tiveram início no ano 2000, com todos os paradigmas que trouxe em termos de televisão e comunicação social, está redondamente enganado. Abram os olhos enquanto é tempo. Se não abrirem, o tempo tratará disso.
publicado às 15:18

24.09.12

Modernidades

por vanita
Sou fã do home banking e das lojas online. Agora nem preciso de levantar o rabo da cadeira para nada. Fazer transferências, oferecer presentes, carregar o passe social - vida de pobre! -, está tudo à distância de apenas mais uns cliques no computador que tantas horas do dia nos rouba. Por exemplo, estava a fazer planos de usar a hora de almoço para tratar de um presente. Até que me lembrei das lojas online e do home banking. Está tudo tratado e a hora de almoço é toda minha.
publicado às 12:54

24.09.12

Lições de humildade

por vanita
Têm sido assim as minhas últimas semanas. E quem disse que miúdas pespinetas como eu não beneficiam de aulas destas, em regime obrigatório-sem-forma-de-escapar?
publicado às 11:30

Pág. 1/7

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.