Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


07.06.09

Qualquer dia é obrigatório?!

por vanita
Fico parva com algumas preciosidades que me entram pelos ouvidos dentro! Esta foi a última. Falava-se nas eleições europeias - que têm passado à margem da actualidade, admito - quando alguém confessa ainda não se ter decidido... Não, a dúvida não era em quem votar, era mesmo em deslocar-se à mesa de voto, depositar lá o papelito. Mais uma vez, não estamos a falar de pessoas que moram a muitos quilómetros do local onde estão recenseadas. A ida às urnas implica uma deslocação ali, ao virar da esquina. Mas não sabem se lhes apetece ir. "Sei que é um dever, mas qualquer dia é obrigatório", mandam pró ar, sem aviso prévio. Uma pessoa até fica aparvalhada, sem saber bem como dizer que sim... para energúmenos que não têm capacidade para entender que o direito ao voto, mais do que o dever, mais do que uma conquista é a única forma de se manifestarem, nesse caso sim. Devia ser obrigatório. E sim, eu daria uma boa substituta para o Salazar. Na altura dessa senhora também havia uma abstenção elevada. Se calhar querem isso de volta, não?
publicado às 18:48

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.