Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]


07.12.07

O melhor do Mundo à minha espera!

por vanita
O cheiro a lareira acesa é o primeiro que sinto quando saio do carro à uma da manhã. Muitos dias depois, com muito cansaço, muitas noitadas e madrugadas de trabalho em cima e uma folga apenas pelo meio - gasta a tratar de problemas pendentes - agarro no carro e rumo à minha casa, ao meu lar. Home sweet home. Pego no carro pouco depois da meia-noite e venho a fazer zapping no rádio durante uma hora. Nada de jeito, nem uma músiquinha que valesse a pena gritar a plenos pulmões. Pelo menos a estrada era toda minha e o IC2 já não está com desvio por causa das obras. É sempre em frente, deixando Lisboa para trás. Vira-se uma vez à esquerda, na saída da A1, e outra à direita, já no IC2, e estou em casa. E tenho o melhor do Mundo à minha espera. Sou uma privilegiada, num dia em que houve quem se esforçasse por me fazer sentir mal por existir. Temos pena, mas saiu gorada a tentativa. Se o dia já tinha corrido bem, não há palavras para o conforto de chegar a casa. A lareira está acesa, à minha espera. Há um cachecol feito à mão de propósito para mim, pendurado, como quem aguarda a minha aprovação. A casa está enfeitada de Natal, como eu adoro, para me receber. No meu quarto o aquecedor está ligado para cortar o frio de tantos dias vazio. Em cima da mesa de cabeceira foi colocada carinhosamente a minha correspondência. Ali ao lado, está um tapete artesanal, na minha cor favorita, para eu levar para o meu quarto da capital. E quando vou dar as boas noites a quem me preparou tudo isto, sou recebida com o maior sorriso do Mundo! Pois é, parece que afinal até nem sou má rapariga. Muito obrigada :)
publicado às 01:37

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.